top of page

A retomada do turismo


O setor de turismo foi um dos mais impactados pela pandemia e, ainda, segue vivenciando a retomada das viagens, sejam de lazer ou corporativas. Algumas empresas do segmento relataram que no 3º trimestre deste ano, conseguiram ter um crescimento em suas operações. Algumas delas chegaram a quase 35% de reservas confirmadas em relação ao mesmo período de 2021.


Podemos afirmar que as expectativas do turismo para 2023 são essencialmente boas. Afinal, os números do turismo tendem a finalmente voltar ao patamar pré-pandêmico, com grande superávit, dados do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC) mostrados no início deste ano.


Segundo as projeções da WTTC, o setor de viagens e turismo movimentará perto de US$ 9,6 trilhões (o equivalente a cerca de R$ 50 trilhões, na cotação atual) na economia mundial em 2023.


De acordo com a Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) – que reúne operadoras de turismo e parceiros de negócios e institucionais, a expectativa de crescimento em 2023 chega a 53%.


De acordo com empresários do setor, parte do aumento de viagens deu-se início com o turismo doméstico, que foi o primeiro a despontar no período pós-pandemia. Depois, começaram a despontar as viagens para fora do país.


Destinos


No ranking de destinos, Salvador figura na liderança nacional, seguida de Maceió, Porto de Galinhas, Recife e São Paulo na segunda colocação, e Fortaleza, Gramado, Natal e Rio de Janeiro ocupando o terceiro lugar.


No internacional, Lisboa e Orlando ficaram em primeiro lugar, seguidos de Nova York e Paris que dividiram a segunda colocação, e Barcelona e Buenos Aires figurando em terceiro no ranking. Em relação aos embarques internacionais, 26,8% aconteceram no próprio terceiro trimestre, 32,2% ficaram para período entre outubro e dezembro deste ano, 20,8% para os três primeiros meses de 2023, e 20,2% deverão acontecer ao longo do próximo ano.


Balanço e expectativas


As operadoras Braztoa estão confiantes de que este ano se consolide como um período de crescimento e recuperação e estão bastante otimistas para 2023. As expectativas levam a crer que os números serão 50% maiores que os de 2022. Das empresas consultadas, 24% apontaram como forte tendência a programação de viagens em datas aleatórias durante todo o ano, independente de feriados ou datas comemorativas.


A pesquisa também traz outros dados que devem nortear as viagens de 2023, como o fortalecimento das viagens internacionais; viagens em família, destinos exóticos, clientes viajando mais vezes por ano e busca por novos destinos brasileiros aparecem, nesta ordem, entre as tendências do próximo ano.


Entre os principais desafios do setor para a retomada estão o custo do aéreo, seguido da retomada da malha aérea e do custo da hospedagem. Apesar das dificuldades, o Turismo se consolida cada vez mais como um artigo importante para as pessoas, que, em vez de deixarem de viajar por questões financeiras, focam em alternativas que façam as viagens caberem no seu momento econômico atual.


Investir em franquias de turismo voltou a ser uma oportunidade gratificante para os empreendedores. Os ventos voltaram a soprar a favor do segmento e o ano de 2023 tem de tudo para ser um ano de excelentes números para o setor.


Para saber mais sobre as franquias de turismo de como investir no segmento, faça uma consultoria com a 300C. Esta pode ser a sua oportunidade de ingressar no mercado com todo o suporte que você necessita.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page