top of page

4 Planos de ação para ter competitividade em 2023


O franchising seguem em expansão e, em 2022, os números comprovaram isso. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), as redes de franquias tiveram uma receita de R$ 56,256 bilhões. O montante é 18,7% maior do que o mesmo período do ano anterior e 19,2% superior ao terceiro trimestre de 2019, ano pré-pandemia.


O faturamento acumulado em 12 meses, considerando o período entre o quarto trimestre de 2021 e o terceiro trimestre de 2022, foi de R$ 204,351 bilhões – é a primeira vez que o setor rompe a barreira dos R$ 200 bi. No mesmo período em 2019, por exemplo, o valor foi de R$ 182,657 bilhões, e no ano passado chegou a R$ 182,381 bilhões. Entre janeiro e setembro de 2022, o faturamento acumulado foi de R$ 147, 688 bilhões, 15% acima do mesmo período em 2021.


A ascensão do segmento como opção de negócio, assim como ocorre com as empresas associadas a redes e centrais de negócios, aponta para um interesse cada vez maior dos empreendedores brasileiros em participar de grupos organizados e consolidados no mercado para tornarem suas empresas mais competitivas e rentáveis.


Para que essa fórmula dê resultado, é preciso disciplina, planejamento e buscar maneiras de observar como a gestão dessas empresas está sendo feita. Uma das justificativas para o crescimento desse nicho econômico são as compras e vendas conjuntas, que aumentam o poder de negociação e as receitas das companhias associadas a esses grupos de negócios.

Segundo especialistas do setor, apesar de o mercado registrar um amadurecimento cada vez maior desses setores econômicos, ambos ainda contrastam com desafios de gestão que podem impactar no desempenho dos associados e franqueados. Por isso, eles destacam quatro estratégias que devem ser encaradas pelas empresas e que podem ser aplicadas visando uma evolução desses negócios em 2023:


1 - Estratégia das compras conjuntas

A competitividade no mundo globalizado demonstra que investir em bons produtos já não é o suficiente para o sucesso de um negócio. Por isso, apostar nos grupos empresariais pode ser um diferencial, especialmente quando a empresa busca ser mais assertiva e inteligente na negociação com fornecedores. Uma maneira de fazer isso é aderir a estratégia das compras conjuntas como um plano de ação do grupo de negócios.


2 - Estratégia para comunicação interna

A comunicação interna é fundamental para unificar a mensagem de uma organização e serve para motivar, estimular, promover agentes e difundir os ideais da empresa. Em 2023, essa estratégia continua sendo um diferencial, especialmente no setor de franchising e centrais de negócios, devido a necessidade de trocar e nivelar informações para manter o alinhamento entre franqueadores e franqueados. Invista no desenvolvimento de ferramentas de comunicação adequadas à complexidade do negócio, pois isso é o que vai distinguir uma simples transmissão de informações para uma comunicação eficaz em torno das mesmas metas e objetivos. Um exemplo de ferramenta deste nível é a plataforma Sults, parceira do Ecossistema 300.


3 - Estratégia do Data Driven

A tomada de decisão orientada por dados continua em destaque e é imprescindível que as plataformas de gestão dessas organizações possibilitem gerar informações e indicadores de controle interno. No setor de centrais de negócios e franquias, uma das áreas mais valiosas para o uso de dados é o acesso a informações de negociação de produtos e serviços em conjunto com as empresas que fazem parte do mesmo grupo, pois, possibilita maior controle de estoque e poder de barganha junto a fornecedores. Além disso, reduz qualquer possibilidade de compras repetidas e, ainda, apresenta a visualização dos produtos mais consumidos, impactando numa melhor gestão de recursos e insumos.


4 - Estratégia de unificação dos processos

A padronização de serviços e processos gerenciados por uma rede com unidades associadas a ela é uma das premissas das redes de franquias e é um conceito que está mais evoluído que nas redes associativas tradicionais. Para que os negócios escalem o seu número de lojas e unidades, a padronização é praticamente obrigatória e a resolução se dá por meio de ações como o desenvolvimento de tecnologias, treinamentos e processos claros, bem fundamentados e com histórico para que sejam incorporados à rotina da empresa por todos os seus funcionários.

Com o Ecossistema 300 é possível se inteirar de todas as estratégias possíveis para que sua marca atinja uma alta performance e, consequentemente, alcance o sucesso desejado. Um ecossistema completo, de consultoria a gestão e formatação. Faça um prognóstico conosco.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page